UMA COISA DE CADA VEZ

Não adianta querer fazer tudo de uma vez. O resultado é só estresse e confusão. Aqui vamos ver uma explicação de como funciona nosso foco e poderosas dicas para nos ajudar a fazer mais e melhor em menos tempo.

Veja aqui meu vídeo sobre este tema.

É fundamental entendermos como funciona nosso cérebro para usá-lo corretamente. Muitas vezes a gente se atrapalha todo, simplesmente porque estamos querendo usar o cérebro de um jeito que não funciona.

E um dos erros mais comuns, que detona com nossa vida, é querer fazer tudo ao mesmo tempo. O resultado é que você faz bem menos, e ainda pior.

O pesquisador David Rock compara a mente a um palco. Ele explica que nosso “palco” só pode ter no máximo 4 atores de cada vez. As pesquisas mostram que você só consegue processar 3 ou 4 blocos de informação de cada vez, tipo 4 palavras, 4 números, ou 4 frases conhecidas.

Só que tem um detalhe: só tem um holofote neste teatro. Só é possível iluminar um ator de cada vez! Imagine uma peça de teatro com um diálogo entre dois atores. E a luz tem que ficar pulando de um para outro. Enquanto está em um, você não vê mais nada. Não seria muito agradável, né?

Outra pesquisa mostra que só conseguimos preservar, sem degradação da memória, um único pedaço de informação.

Uma outra pesquisa reveladora, mostra que quando ficamos pulando de uma tarefa para outra, nossa capacidade de processamento cai horrivelmente. Na pesquisa concluíram que cai do nível de uma pessoa com mestrado MBA para aquele de uma criança de 8 anos!

Estudos mostram que se tentar fazer duas tarefas ao mesmo tempo, desaparece rendimento. Isso porque leva um tempo para seu “palco” ser montado novamente. Para tirar atores de uma peça e convidar os outros de volta. Essa perda de tempo é zero produtividade. É tempo perdido. Isso gera frustação.

Outra dica importante do David Rock: você é o diretor deste teatro. É você que precisa coordenar os atores. Dizer quem entra em cena, quem atua, quem sai. Você precisa assumir o comando do teatro. Há muitos atores querendo invadir o palco. São as distrações como o WhatsApp, Facebook, sites de notícias, papo furado, etc. Exige esforço consciente para manter a peça certa, no horário certo, com os atores certos no palco.

Só que este diretor não é de ferro! Ele fica cansado. É cientificamente comprovado que com o passar do dia você vai perdendo sua capacidade de ficar no foco. O diretor começa a dormir no ponto e os atores invadem o palco. Ou seja, quanto mais tarde, mais você vai se perder no foco, mudando de assunto, sendo vencido por distrações.

Então aqui 3 dicas para trabalharmos com essas limitações:

  1. Reduza escolhas: se tiver que escolher entre 5 coisas, tente fazer duas de cada vez. A que ganhar, compete com a próxima. Lembre-se: seu cérebro não consegue ter 5 coisas em mente ao mesmo tempo. Vai ser uma loucura de um ator entrando, outro saindo do palco, holofote pulando para um lado e para o outro. Uma confusão!
  2. Faça suas tarefas em sequencias, não ao mesmo tempo. Um ator de cada vez, bem iluminado! Essa dica está se mostrando cada vez mais comprovada e utilizada. Se organize. Tipo faça e-mails e apenas e-mails num bloco. Depois só WhatsApp. Depois alguma tarefa ou projeto. Assim. Não email, WhatsApp e projeto ao mesmo tempo, pulando de um para outro. A diferença é enorme.
  3. Observe se seu “diretor” está ficando cansado e deixe trabalhos que exigem mais de sua mente para o dia seguinte. Faça na parte da manhã as tarefas mais exigentes. Não tome decisões importantes de 5 da tarde em diante. Jogue para o dia seguinte. Saiba que você no final do dia não é o mesmo.

No livro “O Caminho 3T” (www.3T.org.br) conhecerá ainda melhor como funciona sua mente e como viver melhor, com uma grande gama de técnicas e muitas informações importantes sobre este tema.

 

Veja o que estão falando do livro “O Caminho 3T”: “O leitor tem em mãos o guia ou caminho das pedras para a verdadeira transcendência.” – Enéas Guerriero (Iswara dasa), autor, palestrante, life and spirit coach

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *