Como Não Enlouquecer Num Mundo Tão Cheio De Maldade, Sofrimento e Desilusão?

Aqui uma pergunta que recebo frequentemente: “como não enlouquecer num mundo tão cheio de maldade, sofrimento e desilusão?” Vamos tratar deste tema aqui e ver o que podemos fazer diante disso.

Veja aqui meu vídeo sobre este tema.

Realmente não é fácil. Olhamos a nosso redor e é maldades, sofrimento e desilusão por toda parte. Todos os dias. Na verdade, sem parar.

Quando elevamos nossa consciência ao iniciar nosso despertar, ao trilhar o caminho de auto-aprimoramento, ficamos ainda mais sensíveis as energias e acontecimentos ao nosso redor. Desenvolvemos compaixão e sentimos o sofrimento alheio mais. Se não tivermos cuidado, podemos até sofrer mais do que antes!

O passo mais importante é trazer o foco para sua ação, seu papel—na linguagem do Caminho 3T, seu dharma.

O que vou fazer para aliviar toda essa maldade, sofrimento e desilusão do mundo? A resposta tem que: “tudo que eu posso”. Mas é tudo que eu posso dentro das minhas limitações, das minhas responsabilidades e da minha história. Ou seja, tudo dentro de meu dharma.

Quem não viu, deve ver este vídeo: Círculos de Zorro. Uma técnica muito importante justamente para vencer a procrastinação e a ansiedade que surgem de querer fazer mais do que podemos.

Essa técnica se baseia no fato que o ser humano precisa sentir que tem controle de sua vida. A sensação de falta de controle nos perturba profundamente, gerando ansiedade, medo e inação.

Uma pessoa de boa índole pode facilmente experimentar esses sintomas e enlouquecer ao pensar na maldade, sofrimento e desilusão do mundo. Para combater essa sensação e verdadeiramente trabalhar para combater tudo isso, precisamos de trazer o foco para o que possamos realmente fazer, para nosso Círculo de Zorro atual.

Talvez hoje você só consiga melhorar sua vida. Semana que vem a vida de cinco pessoas. Em um ou dois anos 1000. Não sabemos. A vontade divina, seu esforço, o destino decidirá. Mas o que você pode e deve fazer é seu máximo. Seu melhor.

Você vivendo seu dharma, vivendo sua essência, fazendo seu melhor é o máximo que pode fazer para melhorar o mundo, para trazer luz aos outros.

Quando Jesus veio a Terra, acabou-se todo o sofrimento? Todo mundo de repente tinha casa, comida, saúde? Quando Krishna veio 5000 anos atrás, todo mundo ficou livre de sofrimento? Não! Não funciona assim.

O sofrimento é o feedback de Deus. É a aula. É o que cada um precisa para ser melhor e crescer.

Quando você vai numa escola não está cheio de “adversidade”, desafios? Todo mundo lá tentando aprender algo novo, tendo que fazer dever de casa? Mas a gente não quer acabar com a escola. Não adianta tirar o aluno da escola. A gente quer é se formar e ajudar os outros a se formarem. Ajudar as pessoas a não sofrerem inutilmente, não ficarem reprovando ano após ano.

Você não pode ajudar todo mundo pelo simples fato que é cada um que precisa se ajudar. No fundo, no fundo, é por isso que estamos aqui: para nos aperfeiçoarmos. E para isso, temos nossos desafios e provações.

Então temos que encarar as adversidades com ânimo, até mesmo com gratidão. Sabendo que é nossa oportunidade para crescimento e libertação. Sabendo que é o caminho para chegarmos a liberação.

Então traga o foco para seu dharma. Não fique perdido em lamentação vendo o tanto de maldade, sofrimento e desilusão no planeta. Não fique sem ação! Redobre seu cuidado em fazer seu melhor, dentro de sua área de atuação, dentro de suas limitações, não importa quão insignificantes possam parecer para você. São importantes. Gosto sempre de lembrar do ditado: “melhor ascender uma vela do que ficar reclamando no escuro”.

Precisamos de uma revolução no mundo, uma revolução de consciência. Meu próximo livro, “Yoga Sutras de Patanjali Revolução: Como a Sabedoria Atemporal do Yoga Pode Revolucionar Nossa Vida Hoje” lhe trará vários insights de como mudar sua vida para o melhor e assim mudar o mundo para melhor. Acredito que sem essas profundas mudanças de paradigma, a humanidade talvez não sobreviva e certamente não superará o sofrimento em massa que vemos agora.

 

Veja o que estão falando do livro “O Caminho 3T”: Eu li o livro Caminho 3T e realmente recomendo a todos, todos precisam ler.  Eu fico lendo continuamente.”  – Wendal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *